13 de out de 2010

Uma pequena Meditação:



Disseram-lhe que Jesus de Nazaré estava passando. Então ele começou a clamar: “ Jesus, filho de Davi, tenha misericórdia de mim!”.
Lucas 28:38



Um grito forte é ouvido do meio da multidão. Quando este homem se pôs a clamar, pessoas tentaram o calar. Mas ele sabia que esta era talvez a sua única oportunidade de falar com Jesus e compartilhar com ele o seu maior anseio, “quero ver”. Este cego que chamava por Jesus, chamou-lhe a atenção, não porque Jesus via nele mais um que queria ser curado, mas porque já sabia quem era na realidade Jesus, o Messias prometido. Então Jesus, na sua doce compaixão pergunta: O que voce quer? E o cego responde: Quero ver. Jesus diz: A tua fé te curou, e imediatamente este homem começou a ver.
Diz o relato que ele, depois deste fato, começou a seguir a Jesus louvando a Deus.

Quero compartilhar três lições com voce hoje:

• A oportunidade de experimentar Jesus na sua vida, pode ser a única quando ela aparecer, façamos como o cego, não a desperdice, porque pode ser a última. Jesus só passou por Jericó naquela ocasião pois logo em seguida ele foi crucificado.
• O cego talvez no meio da multidão era o único que enxergava realmente quem era Jesus, pois o chamou, clamando “filho de Davi” , tenha misericordia de mim. Muitos podem olhar para Jesus como um santo profeta ou milagreiro, mas o cego reconheceu a verdadeira pessoa do Senhor Jesus Cristo, o Messias, o Salvador prometido. Aquele que podia lhe ajudar.
• E nós que algumas vezes podemos ser a multidão que segue a Jesus, e não reconhecer ao longo do caminho aquele que chama pelo Mestre, pois nós podemos estar mais preocupados com os nossos interesses e esquecemos que se estamos com Jesus, estamos para aproximar as pessoas junto a Ele.

Que o Senhor nos faça ver o que o cego viu mesmo sendo cego, e assim seremos realmente guias de cegos, e não cegos guiando cegos.

Nenhum comentário: